Foto: Neli Steffen Bossi/Eduarda C. Poletto Gonçalves

Combate ao mosquito da dengue


26/04/2018 10:27:18 - Trata-se de um Projeto da Secretária Municipal de Saúde de Matinhos - PR, e a Vigilância em Saúde, vinculada ao Programa Saúde na Escola, com os Agentes de Combate a Endemias, em parceria com os estudantes de Bacharelado em Saúde Coletiva.

Tendo em vista que a dengue é um dos mais graves problemas de saúde pública do mundo e que o país proporciona condições sócio-ambientais favoráveis a expansão do mosquito Aedes Aegypti, e que estamos localizados próximos á municípios endêmicos.

Não há como questionar a necessidade da participação da população, através da mudança de hábitos e atitudes das pessoas voltadas a evitar a criação de larvas do mosquito em seu ambiente, ocasionando assim uma conduta saudável que possibilitará em mais qualidade de vida sem dengue.

Neli Steffen Bossi, Bacharel em Saúde Coletiva e especialista em questão social pela perspectiva Interdisciplinar, ambas pela UFPR, Litoral, componente da Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde e Agente de Combate a Endemias destaca "A iniciativa de desenvolver um projeto voltado para comunidade aconteceu através da observação no trabalho de campo, dos Agentes de Combate a Endemias, onde percebe - se uma forte resistência da população no acúmulo de recipientes que servem como criadouros do Aedes, diante disso podemos avaliar a necessidade de introduzir novos conceitos, por meio da educação, para uma mudança de hábitos domésticos, tornando assim um ambiente favorável e diminuindo riscos".

Através da experiência de ações de Educação em Saúde já desenvolvidas pelo Programa Saúde na Escola na rede municipal de ensino, surgiu a oportunidade de capacitar os estudantes acadêmicos, bacharéis em saúde coletiva da UFPR Litoral, num espaço de interação com a comunidade as ICH (Interação Cultural e Humanística), representados pelo Professor Neilor Vanderlei Kleinunbing e Roberto Eduardo Bueno, ambos docentes do curso de graduação em saúde coletiva, para além da teoria, vivenciar o trabalho do Agentes de Combate a Endemias e assim avaliar a necessidade de ações de combate e eliminação de criadouros do mosquito Aedes Aegypty.

"Essas experiências oferecem aos estudantes, a oportunidade de conhecer, aprender e participar diretamente de uma ação efetiva no combate a Dengue e ao mesmo tempo propiciar valores e conhecimento necessários para o aprimoramento de uma relação saudável com o meio ambiente" Salientou Eduarda Cristina Poletto Gonçalves, Egressa do curso de Saúde Coletiva da UFPR, Litoral, Autoridade Sanitária, Especialista em Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana pela ENSP, Fiocruz, Mestranda do Mestrado Profissional para ensino das ciências ambietais da UFPR, Litoral e Coordenadora do Programa Saúde na Escola, representando a Secretaria Municipal de Saúde.

A ação foi realizada nos dia 18 e 25 de Abril Após capacitação, os estudantes juntamente com os professores do curso de saúde coletiva e ACE visitaram Pontos estratégicos (Cemitério, Pista de Kart e Recicláveis) e eliminarão diversos criadouros do mosquitos e desenvolveram ações educativas a comunidade.

Texto e foto:
Neli Steffen Bossi
Eduarda C. Poletto Gonçalves
Prefeitura de Matinhos